3 doenças que a ecografia de próstata pode diagnosticar!

Por:
3 doenças que a ecografia de próstata pode diagnosticar!
5 de novembro de 2021 Dra. Nubia
ecografia de próstata pode diagnosticar

A próstata é um órgão que passa despercebido durante a maior parte da vida do homem, mas que requer atenção, principalmente após os 50 anos.

Com o envelhecimento, a próstata se torna mais suscetível a doenças e alterações, que vão desde uma simples inflamação até o temido câncer de próstata, sendo necessário manter um acompanhamento próximo com o urologista, bem como os exames regulares.

Um dos exames mais importantes para acompanhar a saúde prostática é a ecografia, devido à sua capacidade de diagnosticar e monitorar diversas condições que podem atingir esse órgão masculino.

Neste artigo você vai conferir 3 doenças que a ecografia de próstata pode diagnosticar.

Acompanhe!

 

Doenças que a ecografia de próstata pode diagnosticar

A próstata pode apresentar diferentes condições durante a vida, que não apenas o câncer de próstata. Confira, a seguir, 3 dessas possíveis condições:

 

1. Prostatite

A prostatite é, de uma maneira simplificada, uma inflamação na próstata. A forma mais comum da doença é a prostatite bacteriana, podendo ser aguda ou crônica.

Em sua forma aguda, a prostatite pode ser facilmente identificada através do exame de ecografia, por conta do inchaço apresentado pelo órgão, além de apresentar um aumento do fluxo de sangue , em consequência da inflamação.

Entre os possíveis sintomas referidos pelos pacientes, que levam os médicos a suspeitarem dessa condição, estão o forte incômodo na região, bem como a ardência ou incapacidade de urinar.

O tratamento da doença é realizado por meio de antibióticos, porém pacientes que a desenvolvem de maneira crônica devem contar com um acompanhamento, realizando exames de imagem com periodicidade.

 

Quer conhecer mais sobre esse importante exame para a saúde da próstata? Então confira este outro artigo do nosso Blog!

 

2. Hiperplasia prostática benigna

A segunda dentre as doenças que a ecografia de próstata pode diagnosticar é a hiperplasia prostática benigna, também conhecida como HPB.

Essa enfermidade se caracteriza pelo aumento do número de células do órgão, levando à sua expansão.

A hiperplasia prostática benigna é mais comum em homens de mais de 50 anos, chegando a se desenvolver em 70% dos homens com mais de 70 anos.

É importante ter em mente que a hiperplasia não é sinônimo de câncer e nem mesmo representa uma pré-disposição para ele.

Apesar de não possuir suas causas definidas, a HPB pode ser facilmente identificada através de ecografia, abrindo caminho para várias possibilidades de tratamento, que vão desde o uso de medicamentos que reduzem o tamanho da próstata – em fases iniciais da doença – até mesmo cirurgias, nos casos mais avançados.

 

O Novembro Azul é o movimento que reforça a importância dos cuidados com a saúde masculina, principalmente por meio da prevenção. Saiba mais neste artigo!

 

3. Câncer de próstata

O câncer de próstata é um tumor que cresce na parte interna do órgão e pode se espalhar para outras regiões (as metástases).

Dentre as doenças que a ecografia de próstata pode diagnosticar, o câncer certamente é a mais grave.

Essa condição ocorre, na grande maioria dos casos, em pacientes na terceira idade, mas os cuidados preventivos devem ser iniciados já desde os 40 anos – para quem possui fatores de risco – ou a partir dos 45 – para os demais grupos.

Os principais exames para prevenção do câncer de próstata são o PSA (exame de sangue), o exame do toque e a ecografia prostática.

As causas específicas da doença ainda são desconhecidas, mas a genética, a alimentação e a idade avançada são seus principais colaboradores e alguns dos fatores de risco para o desenvolvimento do câncer.

No caso do câncer de próstata, o diagnóstico precoce é fundamental para que o tratamento tenha sucesso e maior chance de cura. 

 

Como é feita a ecografia da próstata

A ecografia de próstata pode ser realizada de duas formas. Confira abaixo os detalhes de cada uma.

 

1. Ecografia da próstata via abdominal

A primeira forma é a mais comum, sendo feita por via abdominal. Nessa modalidade, a próstata pode ser analisada de maneira mais geral, basicamente com relação ao seu volume (tamanho), bem como o funcionamento da bexiga, com seu enchimento e esvaziamento.

Este método é mais comumente utilizado para investigar casos de HPB (hiperplasia prostática benigna), no qual a informação mais importante é o tamanho do órgão.

 

💡 Como é realizado o procedimento?

Como o próprio nome diz, nessa variação do exame, o médico radiologista utiliza o ecógrafo, um aparelho que possui uma espécie de sonda (chamada de transdutor).

Com o paciente deitado de costas, o médico desliza o transdutor pelo abdômen do paciente, com o auxílio de um gel específico. Por meio da emissão de ondas sonoras, permite formar as imagens na tela de um monitor.

Após a escolha das imagens mais adequadas, elas serão impressas, anexadas ao lado e levadas para a avaliação do urologista.

 

2. Ecografia da próstata via transretal

Já a segunda forma de ecografia da próstata possibilita um diagnóstico mais específico, detalhado e preciso, que é a modalidade por via transretal.

Nesse modelo, o exame consegue analisar, além do tamanho da próstata, todas as possíveis anomalias e modificações do órgão, como a presença de nódulos e alterações em sua textura, informações muito importantes no diagnóstico do câncer de próstata.

A ecografia transretal, inclusive, é fundamental para se indicar ou não a realização de uma biópsia da próstata, para confirmação do diagnóstico de câncer.

 

💡 Como é realizado o procedimento?

Nessa variação do exame, o paciente é posicionado deitado de lado, com as pernas levemente dobradas. 

Com o auxílio de uma sonda específica para esse tipo de exame, introduzida por via retal, também com o auxílio de um gel específico, o médico irá avaliar diretamente as características da próstata.

A captação e formação das imagens vai seguir as mesmas características do método anterior.

Apesar de ser um pouco mais desconfortável, trata-se de um exame rápido e indolor para o paciente.

 

Onde fazer ecografia de próstata em Brasília?

Agora que você já conhece as principais doenças que a ecografia da próstata pode diagnosticar e como são feitos os diferentes tipos de ecografia para avaliação desse órgão, é importante ter em mente que o acompanhamento médico e os exames regulares são os cuidados mais importantes.

Especialmente no caso do câncer de próstata, quando detectado precocemente, as chances de cura são altíssimas – acima de 90% – permitindo que o tratamento seja mais rápido, simples e eficaz.

Nesse sentido, para realizar sua ecografia da próstata, considere a Clínica Viver como sua opção!

Somos referência em Brasília em diagnósticos por imagem. Investimos constantemente em oferecer equipamentos de ponta em um ambiente confortável e acolhedor para nossos pacientes.

Caso você esteja em Brasília ou Entorno, agende online agora mesmo seus exames e venha se cuidar conosco! 

 

QUERO AGENDAR MEUS EXAMES NA VIVER

———————–