Como cuidar da saúde mental durante a pandemia do coronavírus

Como cuidar da saúde mental durante a pandemia do coronavírus
30 de abril de 2020 Dra. Nubia
saúde mental durante a pandemia do coronavírus

O distanciamento social, a falta do trabalho diário, da atividade física costumeira e as informações negativas com as quais somos bombardeados diariamente são uma mistura que pode ser perigosa para nossa saúde mental durante a pandemia do coronavírus. 

Tudo o que foge à nossa rotina pode nos causar estresse e até mesmo precipitar quadros de ansiedade e depressão.

Por isso, é importante procurarmos manter nosso equilíbrio, tão fundamental nestes tempos de incertezas. Neste artigo, listamos algumas medidas que podem te ajudar a se fortalecer psicologicamente e a manter o equilíbrio emocional durante esse período de quarentena e isolamento social. Acompanhe. 

Limite o tempo assistindo a noticiários

Limitar o tempo que você e sua família passam assistindo notícias alarmantes na televisão ou em redes sociais é extremamente importante. Manter-se bem informado é superimportante, mas o segredo é o equilíbrio. Ficar o dia inteiro recebendo notícias tristes não vai te fazer bem. 

Portanto, delimite um período de tempo para assistir as notícias e saber o que está acontecendo. Escolha algum período do dia para se atualizar. Fora daquele momento, não ocupe sua cabeça com isso. 

Tome cuidado com as Fake News

Informe-se sempre com fontes confiáveis, como a Organização Mundial de Saúde, por exemplo. Na internet é muito fácil divulgar informações falsas que trazem cenários apocalípticos e podem causar terror na população. 

Tenha uma rotina

Procure criar uma rotina, com horário de acordar, fazer as refeições, exercícios físicos, e dormir. Dessa forma você mantém seu corpo e sua mente sempre ocupados, evitando muito tempo ocioso favorável para o desenvolvimento de ansiedades. Ter um objetivo e uma rotina diária é uma das melhores e mais simples estratégias para “manter a cabeça no lugar” mesmo na quarentena. 

Ritual do sono

Ao se preparar para dormir, tome um banho quente, desligue o celular e mantenha o ambiente mais escuro e silencioso. Chás relaxantes, como erva cidreira, camomila e capim santo são muito recomendados.

Dormir bem continua sendo um fator essencial para a sua saúde mental. Leve a sério seu sono e crie uma rotina de sono para desacelerar seu ritmo antes de ir para a cama. 

Cuidado com os entorpecentes

Entorpecentes podem se tornar muito requisitados em momentos de crise já que as pessoas ficam mais propensas a procurar por uma válvula de escape. Mas cuidado! Apesar da sensação de bem estar imediata, o uso de entorpecentes pode piorar a sua situação ao criar uma dependência. 

Não fume, não use bebidas alcoólicas ou drogas para lidar com suas emoções. Se se sentir muito ansioso ou deprimido, procure um especialista. Muitos estão fazendo consultas virtuais.

Pratique exercícios físicos

Não deixe de praticar algum exercício físico. Mesmo em casa podem ser realizados exercícios orientados por professores em redes sociais, como Instagram e Facebook, ou por aulas disponíveis no Youtube. Muitas são gratuitas. O mais importante é se manter ativo. Use o que você tem à sua disposição. 

Os exercícios físicos liberam hormônios de bem-estar e, além de manterem seu corpo saudável, sua mente também se beneficiará grandemente da prática. 

Mantenha contato com família e amigos

Manter boas relações sociais é essencial para nossa felicidade. Não deixe de manter contato com a família e amigos. Use a tecnologia a seu favor: faça chamadas de vídeo ou mande mensagens, mas não fique sozinho(a) e totalmente isolado(a) das pessoas que você gosta. 

Alimente-se de maneira saudável

Procure se alimentar de maneira saudável, com muitas frutas e vegetais. A nossa tendência, quando estamos ansiosos, é nos alimentar com alimentos doces e gordurosos. A questão é que nosso corpo e mente respondem de acordo com nossa alimentação. Se você só comer alimentos não saudáveis, vai ser ainda mais difícil se sentir bem. 

Priorize atividades lúdicas que gerem emoções positivas

Faça leituras e assista filmes com conteúdo alegre e leve, que te motivem. Descubra o prazer de fazer um prato especial, cuidar de plantas, mesmo em pequenos vasos, desenhar, e outras atividades manuais que você goste.

Cultive sua espiritualidade

Se você tem religião, aproveite para se conectar com Deus ou outras divindades de sua preferência. Muitos padres, pastores, e orientadores espirituais transmitem rituais religiosos em vários horários. Caso não tenha religião, procure ter pensamentos e vibrações positivas.

Seja solidário

Procure ser solidário com os idosos. Muitos moram sozinhos. Se puder, ofereça para fazer compras ou ir à farmácia. Ajudar a quem precisa é também um forma de se manter ativo durante a quarentena. E além disso, não há melhor recompensa do que ajudar ao próximo, não é mesmo?

 

Acima de tudo, tenha em mente que esta situação é temporária! Não se desespere. Cuide do seu corpo, da sua mente e das pessoas mais próximas. Vamos sair dessa juntos. Até a próxima!

 

Leia também:

5 cuidados básicos para a saúde da mulher

10 mitos e verdades sobre o Coronavírus

Check-up anual: coloque seus exames em dia